segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Google completa dez anos de sucesso entre críticas e ações judiciais



 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 


"Don't be evil", não seja mau. Esse é o lema corporativo adotado pelo Google, que promete no seu código de conduta "fornecer aos nossos usuários acesso imparcial a informação, focar em suas necessidades e dar-lhes os melhores produtos e serviços que pudermos". O lema "é também sobre fazer a coisa certa de um modo mais geral --a seguir as leis, a agir com honra, a tratar aos outros com respeito". Mas será a maldade algo mensurável? Para o Google, sim --pelo menos quando entram em jogo certos interesses. "Nós fizemos um escala de maldade e decidimos que não fornecer nada seria um mal pior", disse Eric Schmidt, chefe-executivo da empresa, em 2006, a respeito do fornecimento do serviço na China, onde o buscador aceitou adotar restrições impostas pelo governo do país.
Ben Margot/AP
Sergey Brin (fundador), Eric Schmidt (executivo-chefe) e Larry Page (fundador) na sede do Google em Mountain View, nos EUA
Sergey Brin (fundador), Eric Schmidt (executivo-chefe) e Larry Page (fundador) na sede do Google em Mountain View, nos EUA
Leia mais (07/09/2008 - 08h11)

 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também