terça-feira, 25 de novembro de 2008

Arquitetura de informação na lista das carreiras mais promissoras



 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Arquitetura de Informação de Silvia Melo em 24/11/08


Já está ficando mais fácil contar pra família o que faz um arquiteto de informação. E ainda com o argumento de que não foi mau negócio ter desistido da medicina, do direito ou ainda da engenharia. A profissão tem aparecido na grande mídia. E o melhor ainda: na lista das carreiras mais promissoras/requisitadas dos próximos anos.

A reportagem "Procuram-se novos especialistas", publicada na Veja desta semana (somente para assinantes), é a mais recente delas. Embora traga uma visão simplista da área (veja o post da Lu Cattony no Planta Baixa), com certeza ajuda na propagação e estimula a formação de novos profissionais.

No final do ano passado o especial Best Careers 2008 do US News colocou a arquitetura de informação (usability/user experience specialist) na lista das 31 melhores carreiras para se investir. De acordo com a publicação a profissão é uma das mais interessantes quando se colocam na balança os pesos satisfação profissional, prestígio, mercado de trabalho e remuneração.

No Brasil, de acordo com a pesquisa do Guilhermo Reis apresentada no Ebai deste ano, estamos falando de uma remuneração média de R$ 3.600/mês.

media_salarial

Mais sobre o assunto

Livros
Eventos

      

 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também