sábado, 22 de novembro de 2008

Categorização emocional



 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Arquitetura de Informação de Silvia Melo em 21/11/08


Em Design Emocional o professor de ciência cognitiva Donald A. Norman já mostrou o quão o processo de decisão humano está fortemente ligado às emoções. Hoje recebi uma mala direta que me chamou a atenção justamente por trabalhar com elas – a da Época Cosméticos.

A loja está longe de ser uma Amazon (não entre lá pensando em ver uma ordenação de produtos baseada no histórico de toda a sua vida digital), mas empreendeu esforços em uma categorização por cores – simples e altamente emocional.

cor

Não sei se a organização tem sido eficiente, mas confesso que dei uns bons cliques para ver se os perfumes que eu gostava estavam relacionados com as minhas cores favoritas e com a minha personalidade.

Esse tipo de classificação não substitui as tradicionais formas de localizar os produtos (preço, marca, tipo, busca, etc), mas com certeza dá um toque mais humano ao ainda distante comércio eletrônico.

      

 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também