quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Produtividade – e estilo? – com 2 monitores no desktop

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Efetividade.net de augusto em 12/08/09

Vi ontem no site da Info um vídeo mostrando um Samsung Lapfit – um produto legal, mas baseado em uma premissa da qual eu discordo: a de que um segundo monitor para um notebook é mais legal se puder ficar ali ao ladinho da tela interna dele, no mesmo ângulo, com a moldura da mesma cor.

Mas as características do monitorzinho (um SyncMaster LD190G) em si são legais – eu recomendo que você assista ao vídeo pra entender melhor. Só que eu prefiro que o segundo monitor seja maiorzão, acoplável a um suporte articulado, e de preferência montável na vertical (em "modo retrato"), para facilitar a visualização de porções maiores de páginas da web e documentos de texto.

Eu hoje não uso mais um segundo monitor no notebook, porque hoje trabalho ancorado ao desktop do escritório em casa, e reservo o notebook para quando preciso de mobilidade. Mas houve tempo em que eu usava o notebook também em casa, e adotava uma configuração de tela secundária similar à dos 2 monitores do meu desktop de hoje, mostrados nas fotos acima e abaixo – inclusive com o mesmo suporte articulado que já usava naquela época.

A configuração dos tempos do notebook-desktop, aliás, pode ser vista na foto que ilustra o artigo "2 monitores no seu PC: ganhe produtividade e reduza o stress", que escrevi para contar as razões pelas quais achava vantajoso usar um segundo monitor. Aliás, continuo achando, e hoje me sinto bastante limitado quando preciso trabalhar com uma tela só.

Pra resumir, colando de mim mesmo (em 2007): "com 2 desktops visíveis, torna-se muito menos estressante trabalhar on-line, realizar atividades de pesquisa e manter contato com os colaboradores, sem ter de ficar guardando na memória as informações dos contextos e janelas que ficam escondidos."

Ou seja: o editor de texto fica o tempo todo maximizado e ocupando a tela (vertical) inteira, e ao mesmo tempo a tela do outro monitor deixa sempre visível o material de referência, o mensageiro, o media player, a documentação ou o que quer que seja que estiver servindo como apoio à tarefa que eu estiver fazendo no momento.

Recomendo! Mas não precisa ser o estiloso Lapfit da Samsung – até um monitor CRT que sobrou em um upgrade na sua família já ajuda, basta que a sua placa de vídeo suporte dois displays ;-)


 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também