sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Porto Cai Na Rede: A maior ação de mídias sociais já realizada no Brasil

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Google Discovery de Carol Reine em 15/10/09

portologo Porto Cai Na Rede: A maior ação de mídias sociais já realizada no Brasil

Nota: Cross Post com o blog Penso, Logo Pesquiso – escrito por Carol Reine a convite do Google Discovery.

Não tem como esquecer, às 10h06 do dia 28 de Setembro recebi a notícia de que, mais uma vez, a sorte estava do meu lado. Aos 48 da prorrogação do segundo tempo, fui sorteada para me juntar ao time de 45 blogueiros que iriam conhecer as belezas de Porto de Galinhas à convite da Secretaria de Turismo de Ipojuca. Começava o Porto Cai na Rede, provavelmente a maior ação de mídias sociais no Brasil – e com certeza a mais bem sucedida. Foram 4 dias, de 1º à 4 de Outubro, para cumprir o objetivo mais difícil do mundo: descobrir o que fez de Porto de Galinhas ser eleita 8 vezes consecutivas a melhor praia do Brasil pelos leitores da Viagem e Turismo.

A viagem

A organização teve a ótima ideia de dividir os hotéis por sorteio, o que acabou integrando bastante o pessoal. Fiquei no aconchegante Marulhos Suítes Hotel, em uma praia ao norte de Porto de Galinhas chamada Muro Alto, em companhia do Renê Fraga, do Humberto Oliveira (OButeco) e do Guilherme Valadares (Papo de Homem). Quase não deu tempo de aproveitar as enormes e quentinhas piscinas do hotel, todos os dias saíamos às 8 da matina para o nosso tour diário.

Não paramos um minuto e, mesmo assim, não deu tempo para sentir cansaço, tudo o que nos propunham a fazer era deslumbrante. E olha que morei em Recife por 20 anos, Porto de Galinhas foi meu quintal. Tive a oportunidade de ver tudo como turista e fazer coisas que muitas vezes deixamos de fazer pela proximidade. Já no primeiro dia uma novidade para mim, nossos anfitriões (Eden, Buchecha, Claudia, Yeltsin, Cab, Helio, Leandro, Darkside) nos apresentaram o turismo rural com um longo e divertido passeio de jipe até a Cachoeira do Urubu. Aos poucos todos foram perdendo a timidez, subimos no Jipe e paramos a cidade de Primavera com a nossa passagem. O passeio tem direito à almoço e cochilo à "beira-cachoeira", merecidos. À noite, jantar e baladinha no Hotel Village Porto de Galinhas.

Bugues nos levaram ao passeio do 2º dia: as famosas piscinas naturais de Porto de Galinhas. O tradicional passeio de jangada e a caminhada nos corais com a maré baixinha. Fiquei feliz em ver as bóias que delimitavam os corais em perigo – os jangadeiros nos instruíam a aproveitar toda aquela beleza sem destruí-la. Peixinhos alimentados, hora de tomar drinks e conhecer as muralhas da praia de Muro Alto, no Marupiara Suítes. Caipirinhas e muita sensualidade na hidroginástica, tomar caldinho de peixe e beber cerveja sentados com a cadeira dentro do mar, nada teve preço. Almoço farto no Solar Porto de Galinhas, todos correndo para provar o famoso bolo de rolo – e nada de chamar de rocambole de goiaba, se você tem amor a sua vida. Depois de uma visita ao artesão Carcará, idealizador das galinhas símbolo da praia – feitas com restos de coqueiro e decoram toda cidade – fomos para a praia que eu, particularmente, mais gosto: Maracaípe, logo ao sul. Pena que não deu tempo de surfar, mas só de ver o pôr-do-sol no Pontal de Maracaípe já valeu por tudo. De jangada, fomos conhecer o mangue repleto de cavalos-marinhos e caranguejos. Estes últimos foram devorados ao final do passeio – foi bem engraçado ver o pessoal literalmente se batendo para quebrar as patolas dos bichos com os martelinhos.

A noite mais aguardada da viagem foi na sexta: o casamento do Caio (Brogui) com a Luiza (EuCapricho), no luxuosíssimo e all incusive Enotel. Com direito a transmissão pela TV, hóspedes curiosos, fogos de artifício e uma lua-cheia absurdamente linda. A festa foi embalada pelos DJs da turma: George (GordoNerd) e Raphael (Bobagento). Para os que achavam que nerds não bebem nem dançam, foi uma prévia de interação e diversão da noite que viria.

Não importou a noite mal dormida, às 8 horas estávamos pontuais à espera do ônibus que nos levaria à Praia dos Carneiros, alguns quilômetros ao sul de Porto. Existe um caminho direto pela estrada, passando pela praia de Tamandaré, mas o melhor mesmo foi atravessar o rio de Catamaran. Camarões que já estávamos, o lugar à sombra nunca foi tão disputado. Mas, aos poucos, a vontade de apreciar a paisagem foi maior do que o medo de se queimar (mais) e vários se deliciaram nas águas represadas por arrecifes. O entrosamento do grupo, muito beneficiado pelo jeito falante e animado dos nossos anfitriões pernambucanos, já dava uma dica do que seria a nossa noite.

Depois das compras na Villa de Porto de Galinhas, fomos ao Santeria – "bar latino". O camarote era nosso, depois da primeira virada coletiva de tequila e alguns outros vira-viras de Pitu, ficou claro o maior feito do Porto Cai na Rede: transformar os 45 blogueiros e o pessoal da produção em uma coisa só: uma turma de amigos. Era muito claro o quanto todos vestimos a camisa do evento, tanto a produção quanto os convidados. Foi nessa noite também que o Luide (Luide e o Tempo) mostrou seus dotes artísticos, conquistando todo mundo.

Infelizmente meu vôo saiu cedo e não pude acompanhar a goleada histórica e televisionada do Íbis – "o pior time do mundo" – sobre os Blogueiros, também perdi o almoço no lindo Resort Nannai. Mas, sem sombra de dúvidas, fui embora com a sensação de que estava deixando o paraíso. Em 3 dias de passeios deu para ver que Porto de Galinhas é muito mais do que só a pequena praia dos meus tempos de veraneio por lá. Se você tem Twitter, já deve ter notado que o "Porto Cai na Rede feelings" é generalizado, que foi inevitável ir embora sem ficar com um gostinho de quero mais.

O mais interessante em participar de uma ação desse porte foi poder acompanhar toda a logística de distribuir, transportar, entreter e agradar tantas pessoas acostumadas aos mais diversos mimos. E, principalmente, acompanhar os convidados vestindo de coração a camisa do eventos apenas pela experiência vivida durante o Porto Cai Na Rede. Isso merece uma análise detalhada, mas ela fica para quando os resultados oficiais da ação forem divulgados.

---
Artigos relacionados no Google Discovery

  • A Revolução das Mídias Sociais
  • Como as mídias sociais desafiam as mídias tradicionais?
  • Brasil é o segundo país no mundo com mais acessos a redes sociais
  • Doodle: Centenário da Imigração Japonesa no Brasil [atualizado]
  • Doodles: Porto de Yokohama e Big Ben


  •  
     

    Coisas que você pode fazer a partir daqui:

     
     
    TwitThis
    Share |

    0 comentários:

    ;

    Pesquisa na WEB

    Carregando...

    assine o feed

    siga no Twitter

    Postagens

    acompanhe

    Comentários

    comente também