terça-feira, 2 de março de 2010

Assespro-SP contra nova lei da terceirização

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 


Roberto Carlos Mayer, presidente da Assespro-SP, publicou um artigo na edição do Baguete Diário desta terça-feira, 02, criticando o projeto de lei que prevê mudanças no regime de terceirização de serviços.

De acordo com Mayer, o fato de que os tomadores de serviço passem a assumir responsabilidade jurídica pelos funcionários terceirizados vai levar os contratantes a "desenvolver todas as atividades localmente, evitando ao máximo a terceirização".

Para o empresário, também reprova a ideia de que o tomador possa "contratar os colaboradores da empresa terceira a qualquer tempo, sem dar nenhuma satisfação, independente de quem tenha realizado a formação e qualificação deste profissional".

Mayer finaliza destacando que a "proposta foi debatida às portas fechadas, pelo MTE e sindicatos, sem representação do setor empresarial" o que faria a proposta como um todo ser "questionável".

Confira o artigo na íntegra pelo link relacionado abaixo.

 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também