quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

"Bing está copiando nossos resultados de pesquisa", diz Google

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Google Discovery de Willian Max em 01/02/11

bing logo Bing está copiando nossos resultados de pesquisa, diz GoogleQuando você acha que já viu de tudo, vem o pessoal de Redmond e nos surpreende. Infelizmente, desta vez foi de uma forma nem um pouco positiva.

Uma denúncia feita pela gigante de Mountain View diz que o Bing está monitorando o que os usuários pesquisam no Google, utilizando dados coletados por meio do Internet Explorer e da Barra de Ferramentas do Bing, e simplesmente copiando os resultados para seu próprio buscador.

Sim, isso mesmo: por que melhorar nosso algoritmo de pesquisa se podemos simplesmente copiar o índice do líder de mercado? "Não tenho problemas com um concorrente que desenvolve um algoritmo inovador. Mas cópia não é inovação, no meu dicionário", disse Amit Singhal, engenheiro do Google que supervisiona o algoritmo de classificação do mecanismo de pesquisa.

O pessoal da Microsoft não negou a denúncia, embora obviamente não tenha revelado como o Bing de fato classifica seus resultados. Disseram usar mais de 1000 diferentes fatores no algoritmo de ranking, além de "aprenderem muito com todos os seus usuários".

As provas da cópia de resultados

Ao pesquisar um termo com a grafia errada, como torsoraphy, o Google percebe que o usuário digitou errado e faz a pesquisa pelo termo correto.

torsoraphy google Bing está copiando nossos resultados de pesquisa, diz Google

Já no Bing, a grafia não sofre correções, embora o mesmo resultado tenha sido apresentado pelo buscador, magicamente.

torsoraphy bing Bing está copiando nossos resultados de pesquisa, diz Google

Google enganando o Bing

É claro que o Google não ficaria parado diante de uma situação como esta. Para provar que o Bing realmente estava copiando seus resultados, ele fez uma jogada esperta, ao maior estilo "jogar verde para colher maduro": criou páginas de resultados falsas para termos que não existem, como hiybbprqag, mbzrxpgjys e indoswiftjobinproduction.

O que aconteceu? O Bing copiou os resultados.

Como o Bing agiu

  1. Antes, ao pesquisar por honeypot, um termo inexistente, ambos os buscadores retornavam 0 resultados.
  2. O Google criou uma página manipulada para exibir resultados para honeypot.
  3. Um usuário utilizando Internet Explorer pesquisa honeypot no Google, o que faz o Bing perceber a existência da palavra.
  4. O Bing copia o ranking e passa a exibir resultados para honeypot também.

É possível uma concorrência leal com seu competidor simplesmente copiando o seu principal diferencial – a relevância? A história de Bing Is Not Google já não pode mais ser levada tão a sério.

Com informações do Search Engine Land, via InsideTechno


 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também