segunda-feira, 6 de abril de 2009

Acordo Ortográfico



 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via dicas de português de Sérgio Nogueira em 03/04/09

Novidades do Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras

NOTA EXPLICATIVA da ABL sobre os procedimentos metodológicos seguidos na elaboração da 5ª. edição do VOLP:

"Para viabilizar o rico repertório lexical da 5ª. edição do VOLP com o sintético e enxuto texto do Acordo de 1990, esta Comissão estabeleceu quatro princípios que, pelo que se lhe afigura, garantem fiel compromisso aos propósitos dos signatários oficiais:
a) respeitar a lição do texto do Acordo;
b) estabelecer uma linha de coerência do texto como um todo;
c) acompanhar o espírito simplificador do texto do Acordo;
d) preservar a tradição ortográfica refletida nos formulários e vocabulários oficiais anteriores, quando das omissões do texto do Acordo.

São as seguintes principais medidas tomadas por esta Comissão:
1) Restabelecer o acento gráfico nos paroxítonos com ditongo "ei" e "oi" quando incluídos na regra geral dos terminados em "-r": Méier, destróier, blêizer

2)
 Restabelecer o acento circunflexo nos paroxítonos com o encontro "ôo" quando incluídos na regra geral dos terminados em "-n": herôon

3)
 Incluir na regra geral de acentuação os paroxítonos terminados em "-om": iândom, rádom (variante de rádon)

4)
 Incluir o emprego do acento gráfico na sequência "ui" de hiato, quando a vogal tônica for "i", como na 1ª. pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo: arguí

5)
 Limitar as exceções de emprego do hífen às palavras explicitamente relacionadas no Acordo, admitindo apenas as formas derivadas e aquelas consagradas pela tradição ortográfica dos vocabulários oficiais, como passatempo

6)
 Incluir no caso 1º. da Base XV o emprego do hífen nos compostos formados com elementos repetidos, com ou sem alternância vocálica ou consonântica de formas onomatopéicas, por serem de natureza nominal, sem elemento de ligação, por constituírem unidade sintagmática e semântica e por manterem acento próprio, bem como as formas derivadas, conforme preceitua o texto oficial: blá-blá-blá, reco-reco, trouxe-mouxe, zigue-zaguear

7)
 Incluir no caso 3º. da base XV, relativo às denominações botânicas e zoológicas, as formas designativas de espécies ou produtos afins derivados, conforme prática da tradição ortográfica: azeite-de-dendê, bálsamo-do-canadá, água-de-coco  

8)
 Excluir do emprego do hífen as formas homógrafas de denominações botânicas e zoológicas que têm significações diferentes àquelas: bico de papagaio, "nariz adunco", "saliência óssea"

9)
 Excluir o prefixo "co" do caso 1º, a), da Base XVI por merecer do Acordo exceção especial na Obs. Da letra b) da mesma Base XVI e por também poder ser incluído no caso 2º., letra b), da Base II (coabitar, coabilidade, etc.). Assim por coerência, co-herdeiro passará a coerdeiro

10)
 Incluir, por coerência e em atenção à tradição ortográfica, os prefixos "re-", "pré-" e "pro-" à excepcionalidade do prefixo "co-", referida na Obs. da letra b)- do caso 1º. da Base XVI: reaver, reeleição, preencher, proótico

11)
 Registrar a duplicidade de formas quando não houver perda de fonema vocálico do 1º. elemento e o elemento seguinte começar por "h-", exceto os casos já consagrados, com eliminação desta letra: bi-hebdomadário e biebdomadário, carbo-hidrato e carboidrato, mas cloridrato

12)
 Incluir entre as locuções, portanto não hifenadas, as unidades fraseológicas constitutivas de lexias nominalizadas do tipo de deus nos acuda, salve-se quem puder, faz de conta, etc.

13)
 Excluir o emprego do hífen nas expressões latinas quando não aportuguesadas: ab ovo, ad immortalitatem, carpe diem, in octavo, mas in-oitavo

14)
 Excluir o emprego do hífen com o prefixo "an-" quando o 2º. elemento começar por "h-", letra que cai, à semelhança dos prefixos "des-" e "in-": anistórico, anepático. Na forma "a-" usa-se o hífen e não se elimina o "h-" a-histórico

15) Excluir o emprego do hífen nos casos em que as palavras "não" e "quase" funcionam com prefixos: não agressão, não fumante, quase delito, quase irmão."


 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também