segunda-feira, 20 de julho de 2009

Lucro é dinheiro?

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Produzindo.net de Gabriel Barboza em 16/07/09

Para quem vê de fora, parece muito fácil obter lucro gerenciando uma empresa, basta aplicar as devidas ferramentas de gestão. Porém, certas ações exigem recursos que nem sempre a companhia pode dispor. A maior prova disso é que o marketing (forma de trazer clientes antigos e captar novos) é sempre o último investimento das empresas.

Em virtude disso e de outros fatores, as micro e pequenas empresas possuem uma grande dificuldade em alavancar os seus empreendimentos. Só que elas ainda precisam ter rentabilidade. A alternativa? Enxugar custos.

Enfim, existem várias maneiras da sua empresa obter lucro, seja rendendo mais, gastando menos, investindo financiamentos, etc. Todas são importantes para o bom andamento do negócio, desde que realizados da maneira adequada. Afinal, o lucro é a forma como você avalia o andamento da empresa.

lucro-01Como obter lucro e crescer

Você é um engenheiro mecânico. Começa a produzir peças customizadas para automóveis. Quando vê, sua demanda começa a crescer tanto que você nem tem tempo para tentar fazer novos produtos – e na verdade, você se tornou um administrador. Geralmente é assim que começam as micro e pequenas empresas. Um cozinheiro monta um restaurante, um advogado monta um escritório, dentre outros.

Sendo assim, nem todas as empresas de pequeno porte possuem um modelo de gestão – e isso faz parte da tradição da empresa, que o dono acha que vai bem porque possui lucro há 15 anos.

Que fórmula é essa que faz a empresa andar? É o lucro improdutivo, ou seja, quando você consegue ter uma boa arrecadação, mas não necessariamente a sua empresa cresce. A empresa se desenvolveu por ter uma boa representatividade e rede de contatos em uma época passada e se estagnou. É provável que sobreviva, no máximo, por uns 10 anos. Em vez de pensar em crescer, quando as vendas estão baixas, alguém é demitido e tudo volta a ser como antes – mas na verdade a empresa está decrescendo sua produção. Isso é mais contraproducente quando se influi em uma área comercial ou de pesquisa. É como dirigir uma Ferrari e andar como um Fusca.

Muitas vezes, a empresa necessita mesmo enxugar gastos para sobreviver, e a maior prova disso é a crise econômica mundial, que faz com que cada dia centenas de pessoas percam seus empregos. Porém, cada caso é um caso. Isso varia de acordo com o panorama atual da empresa, e para avaliar é importante que se tenha um planejamento anual. Se os gastos são excessivos conforme o esperado, enxugar no local mais improdutivo é uma alternativa. Se as vendas estão abaixo do preestabelecido, é interessante entrar em contato com a área comercial para pegar algumas informações.

É um saco ir em uma loja onde um vendedor fica lhe empurrando um produto que você não quer. Isso também pode ser considerado lucro ruim, pois você leva, mas não sai satisfeito, o que pode fazer com que a empresa perca o cliente. Neste aspecto, as comissões podem ser um gol contra, pois seu vendedor fica mais interessando em vender do que em manter um bom relacionamento com o comprador. E é neste ponto que entra o modelo de gestão organizacional: é necessário que a missão, visão e valores da empresa estejam bem inseridos no dia-a-dia dos colaboradores, e não somente os seus salários.

O melhor vendedor da sua empresa não lhe dá nenhum custo, pois é o seu próprio cliente. Quando ele está satisfeito, acaba voltando à sua empresa sem nem precisar ver alguma publicidade do seu empreendimento. Isso nada mais é do que o fruto de um bom atendimento e respeito com quem faz o seu empreendimento render. Se sua empresa não possui muitos recursos, um bom vendedor pode ser a melhor estratégia de marketing da sua empresa.

Conseguir dinheiro não é difícil. Lucrar e crescer é.

——

Quem é Gabriel Barboza?
Componentes: Seis semestres de Relações Públicas pela UFRGS; Assessoria de Comunicação da CAIXARS; Free Lances na área de produção de conteúdo e planejamento de comunicação; Ética. Recomendações: Utilize somente em casos de curiosidade e/ou dúvidas; aberto para receber pautas; Blog pessoal Tiro-Livre. Contra-indicação: Viciado em comunicação.
"Lucro é dinheiro?" apareceu originalmente no site Produzindo.net.
Por favor veja o termo de uso dos nossos feeds clicando aqui.

Leia também

  1. Transformando tempo em dinheiro
  2. Abrindo o seu próprio negócio: O que você quer vender ou o que querem comprar?
  3. Para onde foi o dinheiro perdido na crise?


 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também