sábado, 27 de março de 2010

Configuração de Filtros no Google Analytics e Segmentação de Dados -#Google

 
 

Enviado para você por Penha através do Google Reader:

 
 

via Mestre SEO de Fabiane Lima em 11/03/10

A informação tem se tornado cada dia mais importante para os profissionais, independente de sua área ou ramo de atuação. E quando estamos falando de tecnologia e marketing, para se manter no mercado a informação passa a ser algo muito mais que importante: essencial.

Quando se trata de SEO, assim como outros ramos de tecnologia, é importante fazer pesquisas, testes, obter e analisar resultados – e destes últimos fazer inferências para aprimorar as técnicas utilizadas e se manter em constante avanço – em conformidade com os padrões adotadas pelas Search Engines e as aspirações dos usuários.

O Google Analytics é uma ferramenta muito útil para a coleta de grande parte dos dados utilizados na análise de um site e seu ramo de atuação, especialmente quando se trata das informações relacionados ao comportamento do usuário.

Entretanto, o Google Analytics fornece uma série de dados que muitas vezes são exibidos de maneira mais genérica – o que pode levar o analista de SEO, na melhor das hipóteses, a perder um tempo precioso para segmentar esses dados. Nos piores casos, o analista pode chegar a conclusões precipitadas ou até mesmo erradas, prejudicando assim o seu trabalho.

Além do recurso de advanced segmentation, é possível fazer segmentação de dados no Google Analytics através da configuração de filtros especiais. Abaixo, vamos demonstrar como deve ser feita a configuração de um filtro no Google Analytics, além de alguns exemplos de filtros que são muito úteis para fornecer dados para o trabalho de SEO em seu site.

Como Configurar um Filtro?

Como regra geral, geralmente antes de configurar um filtro é necessário criar um novo perfil para o site no Google Analytics para, dessa maneira, evitar que os dados de outros seções que não as do filtro sejam poluídas pelas novas configurações.

Criando um Novo Perfil para o Site no Google Analytics

Para montar um novo perfil para o site no Google Analytics, basta clicar na opção "Add new profile" equivalente ao site que você quer criar o novo perfil, conforme na figura abaixo:

Depois disso, basta selecionar a opção "Add Profile for an existing domain", selecione o site do qual se deseja criar um novo perfil e escolha o nome para esse novo perfil:

Depois desses 2 passos o novo perfil do site está pronto para ser utilizado para a configuração de filtros.

Configurando um Novo Filtro

Para configurar um  novo filtro, basta selecionar a opção "Edit" referente ao perfil recém criado para do site. Da seguinte maneira:

Após entrar na janela de edição do perfil, você terá que selecionar a opção referente à inserção de um novo filtro no mesmo, da seguinte maneira:

Após esse passo você vai entrar na janela de edição do filtro.

Basicamente, existem dois tipos de filtros que podem ser configurados no Google Analytics, os pré-definidos (predefined) e os customizáveis (custom filters). Os filtros pré-definidos são mais simples de configurar, mas tem menos recursos que os customizáveis. Estes últimos, muitas vezes, precisam do uso de expressões regulares.

Abaixo, seguem alguns exemplos de filtros que podem ser úteis para analisar os dados do seu site. Vale lembrar que esses filtros também são úteis para entender como funciona esse recurso e, assim, configurar novos filtros que se adaptem melhor as suas necessidades.

Filtro para Image Search

Um filtro bastante útil que pode ser configurado no site é o filtro de Image Search. Esse filtro faz com que o Google Analytics classifique os dados de referentes a busca por imagens do Google como uma Search Engine – ou seja, é possível verificar as palavras-chave para as quais o site recebe visitas de imagens.

Para configurar esse filtro, basta preencher os dados da seguinte maneira:

  • Filter Name: Insira um nome para o filtro que melhor lhe convier.O nome sugerido é "Image Search"
  • Filter Type: Custom filter, Include
  • Filter Field: Referral
  • Filter Pattern: ^http://images.google..*$
  • Case Sensitive: No

Excluir Tráfego de Originário de Determinados IPs

Excluir o tráfego de IPs pré determinados é útil para excluir os dados da navegação feitas por você ou pessoas de sua equipe no site.

  • Filter Name: Insira um nome para o filtro que melhor lhe convier.O nome sugerido é "Image Search"
  • Filter Type: Custom filter, Exclude
  • Filter Field: Visitor IP Address
  • Filter Pattern: 192.168.1.1 -> as barras são utilizadas pois esse campo aceita expressões regulares. Ou seja, também é possível filtrar uma determinada série de IPs dessa maneira.
  • Case Sensitive: No

Filtrar Campanhas de E-mail

Geralmente as campanhas feitas por e-mail geram vários referrals para seu site, o que dificulta a análise dessas campanhas de uma maneira mais geral. Esse filtro agrupa os dados referentes as URLs mail.yahoo.com em uma só, embora estejamos usandoo yahoo.mail como exemplo, ele pode ser configurado para outras campanhas. Para as URLs do Yahoo Mail, ele deve ser configurado da seguinte maneira:

  • Filter Name: Insira um nome para o filtro que melhor lhe convier.O nome sugerido é "Filtro E-mail – Yahoo"
  • Filter Type: Custom filter, Advanced
  • Field A -> Extract A: Campaign Source, (.*)mail.yahoo.com$
  • Output To -> Constructor: Campaign Source, mail.yahoo.com
  • Field A Required: Yes
  • Field B Required: No
  • Override Output Field: Yes
  • Case Sensitive: No

Segmentar Dados de Subdiretórios

Esse filtro é muito útil para visualizar melhor os dados de cada subdiretório do site. Para tanto, é necessário criar um filtro para cada um desses subdiretórios, da seguinte maneira:

  • Filter Name: Insira um nome para o filtro que melhor lhe convier.O nome sugerido é "Nome do Diretório"
  • Filter Type: Predefined filter, Include only, traffic to the subdirectories, that begin with
  • Subdiretctory: /diretorio/
  • Case Sensitive: No

A configuração de filtros é muito útil para segmentar diversos tipos de dados, desde o tráfego de referral e keywords até mesmo o tráfego em determinados subdiretórios ou subpastas. Segmentações essas que facilitam a análise dos dados coletados e a inferência de novas informações – que vão te auxiliar a melhorar os trabalhos de SEO executados no site.

E você, já configurou algum filtro no Google Analytics? Tem alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seu recado e conte como foi sua experiência com filtros.

Artigo produzido por MestreSEO, empresa especializada em Otimização de Sites. Não perca a oportunidade de conferir as nossas ferramentas de SEO.
Artigo Original: Configuração de Filtros no Google Analytics e Segmentação de Dados

Curso de SEO

Aproveite a oportunidade para participar do nosso Curso de SEO em São Paulo, nos dias 6 e 7 de Fevereiro. Garanta já a sua vaga: http://www.mestreseo.com.br/curso-de-seo


 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 
TwitThis
Share |

0 comentários:

;

Pesquisa na WEB

Carregando...

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também